Resenha Agroclimática do Estado do Tocantins – 17/02/2016 a 23/02/2016

0
699

resenha

Situação atual e perspectivas de mudanças

Esta última semana foi marcada por muito calor e baixa umidade relativa do ar, devido a atuação de uma forte massa de ar quente e seca que inibiu a formação de nuvens de chuvas nas regiões mais centrais do Estado.

As temperaturas do ar chegaram aos valores máximos de 38ºC no município de Palmas e região. A umidade relativa do ar chegou aos 24 e 25% nos municípios de Paranã e Gurupi, respectivamente nas horas mais quentes de dia.

A ausência de chuvas neste período fez com que os níveis de água no solo retornassem aos níveis críticos, com isso a técnica da suplementação de água deverá ser utilizada, a fim de, evitar o estresse vegetal.

Para os próximos dias, a massa de ar quente e seca enfraquece permitindo a entrada de umidade, conseqüentemente contribuindo para o aumento da nebulosidade.Há condições atmosféricas para a ocorrência de pancadas de chuvas isoladas em todas as regiões do Estado. As temperaturas continuam em elevação.

Faça o Download da Resenha Aqui

   Denise Coelho Gomes
UNITINSGeórgio Henrique Leão Silva
GTI – SEAGRO
José Luiz Cabral da Silva Júnior
Esta resenha é um produto da parceria institucional SEAGRO / UNITINS